Estabelecimentos comerciais precisam de um banco de capacitores?

21|08|2019

Você sabe com exatidão o quanto sua empresa gasta com consumo de energia reativa? Saiba que esta informação pode ser crucial e determinante em seu controle de gastos. Diversas estratégias são pensadas e colocadas em práticas – mas uma em especial, que é a utilização de banco de capacitores, pode lhe render benefícios consistentes e frequentes.

Acompanhe neste artigo de que forma a utilização de banco de capacitores para o comércio pode auxiliar no controle do consumo de energia.

O que são banco de capacitores?

Banco de capacitores é um conjunto equipamentos projetados para garantir o uso de energia com o máximo de eficiência, através da geração de carga capacitiva. De maneira prática, a energia reativa é fornecida através do banco de capacitores, permitindo que a energia originada pelas distribuidoras possa ser utilizada de forma ativa.

Esse processo funciona como uma compensação de energia reativa, que é gerada por capacitores de maneira oposta à energia dispendida pelos equipamentos. Neste cenário, ao utilizar um banco de capacitores, uma empresa consegue apresentar um alto nível de eficiência na utilização da energia proveniente da concessionária.

Funcionamento dos bancos de capacitores

Equipamentos como motores elétricos, que demandam potência reativa, são um exemplo claro de aparelhos que podem se beneficiar ao utilizar bancos de capacitores. Esses equipamentos utilizam potência ativa e potência reativa em seu ciclo de funcionamento.

A potência ativa é a responsável pela realização do trabalho do equipamento, enquanto a potência reativa somente cria e mantém campos eletromagnéticos nas cargas indutivas. Porém quanto maior o espaço destinado a potência reativa, menor deverá ser o consumo de potência ativa, reduzindo a eficiência da energia utilizada.

O banco de capacitores atua na redução da potência aparente necessária em contraponto a parte da energia reativa que ele fornece, o que se traduz em maior eficácia na utilização da eletricidade. Também em decorrência desta configuração, a redução da potência total da rede permite ao banco de capacitores levar a níveis mínimos a perda de energia. Isso significa que, ao corrigir o fator de potência, os aquecimentos e outras perdas na rede elétrica como cabos e transformadores são reduzidos ao máximo.

Dimensionando os bancos de capacitores para seu negócio

Os bancos de capacitores, bem como suas formas de utilização e controle, estão diretamente associados aos tipos de atividades realizadas pela empresa. Como exemplo, temos os horários de produção nos quais são determinados se os equipamentos devem permanecer ligados ou desligados, e essa decisão acarreta em compreender a necessidade de compensação ou não as cargas reativas.

Desta maneira você deve considerar os seguintes tipos de controles como parte do dimensionamento de seus bancos de capacitores:

Controle automático

Devido à alguma característica específica, lhe será indicado o uso de bancos de capacitores com controle automático, estejam eles aplicados a um grupo de cargas ou ligados a entradas de energia. Através do controle automático, os capacitores serão alinhados em bancos que permitem o funcionamento da forma ideal à cada equipamento, respeitando a necessidade de correção de fator equivalente.

E isso será possível devido ao relé varimétrico, que é um dispositivo que, além da sensibilidade às variações da energia reativa, aciona automaticamente a operação dos capacitores

Controle misto

Uma segunda opção, extremamente útil, de acordo com as características envolvidas na utilização, é a combinação de formas variadas de compensação capacitiva. Um exemplo desta opção é a instalação de um banco fixo para utilização contínua. E um segundo banco que seja acionado de acordo com os horários de operação de determinados equipamentos.

E ainda pensando no melhor tipo de dimensionamento e performance, é possível adicionar um terceiro banco, com operação automatizada, desta forma controlando o fator de potência considerando algumas variáveis específicas, tais como sistema tarifário e rotina de operação dos equipamentos envolvidos.

Como foi possível acompanhar neste artigo, os bancos de capacitores são fundamentais também aos estabelecimentos comerciais exatamente pelo impacto que apresentam sobre o controle no consumo e qualidade de energia elétrica. Desta forma, considerar a utilização desses bancos é um fator que pode contribuir essencialmente para que sua empresa possa ter um controle mais refinada sobre as maneiras de se utilizar e consumir energia.

ENTRE EM CONTATO CONOSCO E SOLICITE UM ORÇAMENTO: Solicitar Orçamento